AUTOESTIMA: Veridiana Ulian transforma vida de mulher através de procedimento estético



AUTOESTIMA: Veridiana Ulian transforma vida de mulher através de procedimento estético

Veridiana Ulian falou ao 2DZ sobre a transformação na autoestima da dona Silvana

  • “Transformar olhares. Mudar vidas. Resgatar a autoestima. Tudo isso faz parte da minha missão. Quando comecei a trabalhar com a micropigmentação, mas não imaginava o quanto poderia impactar outras vidas e a minha própria trajetória”, disse Veridiana Ulian para mostrar ao 2DZ uma transformação na autoestima de uma mulher.

    Atendi a Silvana na última semana, no dia 17 de novembro, no nosso espaço em Jales, o Centro de Estética Veridiana Ulian. Quando ela chegou, me contou a sua história e eu prontamente quis fazer parte dela. Silvana, hoje com 63 anos, herdou geneticamente uma doença que até então atingia apenas os homens da sua família. Aos 35 anos, foi a primeira mulher da família diagnosticada e, por conta disso, perdeu os pelos do corpo todo. Há 10 anos ela está totalmente sem pelos. Fazer as sobrancelhas era a realização de um sonho.

    “O que eu não imaginava era que a sua história também impactaria a minha vida de forma tão significativa. Após uma avaliação, concluí que se tratava de um caso de Micropigmentação Paramédica, onde é possível disfarçar ou corrigir alguma situação provocada por problema de saúde, como a ausência de pelos, vitiligo, marcas ou cicatrizes. Permanecer com essas características físicas pode vir a afetar a autoestima e a relação com o próprio corpo, o que era o caso de Silvana”, contou Veridiana.

    Este é um trabalho que exige imenso profissionalismo, preparo e capacitação. “No caso dela redesenhamos os pelos de forma com que ficassem com a aparência mais próxima possível dos fios originais”.

    Na micropigmentação paramédica, o profissional deve simular sombras e texturas ao depositar diferentes tipos de pigmentos na segunda camada da pele, a derme. O tempo da duração desse procedimento depende da extensão da área a ser pigmentada e as cores dos pigmentos sempre são escolhidas com base na cor da pele. Além disso, é importante ressaltar que, no geral, é necessário no mínimo duas sessões, mas outros processos podem demandar mais sessões.

    “O resultado deixou Silvana emocionada e me deixou sem palavras. Poder transformar a vida de uma pessoa através do meu trabalho me faz agradecer diariamente pelo dom que Deus me deu e pelos profissionais generosos que já passaram por minha vida e que me permitiram chegar aonde cheguei. Para 2021 planejo levar esse legado adiante, promovendo cursos de capacitação ministrados por mim e por minha equipe para que muitas pessoas sejam alcançadas, tanto profissionais da área como nossos clientes. Que venha 2021 com muita esperança e saúde para todos nós”.

     

     

     

  • Daniel Zílio

    Daniel Zílio, jornalista, que há 11 anos atua no ramo da comunicação, levando informação com ética.

Comentários


Deixe um comentário


2DZ © 2021 - Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Tribo Propaganda